Moagem de Farinha de Trigo
OBJETIVOS DO PROJETO

Como já mencionamos, o objetivo nuclear deste projeto é farinha de trigo e farinha de farelo de trigo, satisfação das necessidades nacionais de consumo. Para além deste objetivo, existem outros que são a  implementação do projeto, tanto ao nível da entidade promotora como da economia.
 Ao nível do promotor, o projeto visa: ¨ Agregar valor às matérias-primas, de origem nacional ou importada, em especial o trigo, através do processamento industrial;
¨ Incentivar a produção nacional de trigo, promovendo a substituição de importações; ¨ Promover a qualidade do produto final, ou seja, farinha de trigo e Farinha de farinha de trigo e contribuir para a segurança alimentar; ¨ Proporcionar ao mercado a oferta de produtos nobres e distintos através da atividade de processamento industrial; ¨ Oferecer produtos competitivos ao consumidor final; ¨ Promover soluções ambientalmente amigáveis; ¨ Contribuir para o dinamismo de um setor (industrial) de inegável importância para o país;
¨ Aumentar competitividade e produtividade; ¨ Promover a criação de emprego;
¨ Incentivar a população a retornar às suas áreas de origem; ¨ Aproveitar a capacidade financeira, capacidade de gestão, know-how e experiência profissional dos promotores;

Promover a formação

Promover a formação profissional e humana das pessoas ligadas ao projeto, com vistas a alcançar empresas "melhores" e "melhores"; ¨ Continuar com uma atividade de inegável interesse econômico e financeiro, gerando margens compensatórias;
 Ao nível da economia nacional, o projeto centra-se na prossecução dos seguintes objetivos: ¨ Valorizar recursos e matérias-primas de origem nacional, promovendo e incentivando a produção nacional, contribuindo assim para o crescimento do PIB; ¨ Diversificar a produção industrial, através da criação de um projeto industrial necessário ao País, dedicado ao fornecimento de produtos de 1ª Necessidade, destinados ao consumo humano; ¨ Fortalecer a atividade industrial, com consequente aumento do consumo de recursos de origem nacional; ¨ Contribuir para a redução dos ciclos de comercialização e, consequentemente, dos custos operacionais dos setores de atividade
a jusante, devido à disponibilidade de
origem, para a indústria e alimentos
prazos mais curtos e mais estáveis; ¨ Criar postos de trabalho, um factor de forte significado, dadas as elevadas taxas de desemprego no país e, consequentemente, as graves condições de vida devido à falta de trabalho;
¨ Promover contribuições para o Orçamento Geral do Estado, uma vez que o aumento na atividade produtiva e comercial significa mais impostos; ¨ Contribuir para a substituição das importações de trigo e farinha de trigo e, conseqüentemente, para o  melhoramento da Balança Comercial.

Nossas
soluções

MATÉRIA-PRIMA

Como mencionado anteriormente, não é possível obter matérias-primas (trigo) de origem nacional em quantidades industriais, para que sejam adquiridas no exterior, com provável origem da União Européia, EUA, Rússia, entre outros.

PROCESSO DE PRODUÇÃO

Quando o trigo chega, ele é testado para a especificação da variedade de umidade, gravidade específica, impureza, atividade enzimática associada à brotação e qualidade do tear de proteína:

Operações de limpeza preliminares

Subsequentemente, o trigo é submetido a um processo de limpeza preliminar para remover impurezas grosseiras, como pregos e pedras, e pode ser seco antes de ser armazenado em varas de acordo com a qualidade.

Indústria
benefícios

PRODUTOS FINALIZADOS

O portfólio de produtos inclui Farinha de Trigo destinada ao consumo humano e um subproduto resultante do processo de transformação que é Farelo de Farinha de Trigo destinado à incorporação na alimentação animal.

IMPACTO SOCIAL

Com a implementação deste projeto, está prevista a criação de 99 empregos diretos no Ano 0 de atividade, com a possibilidade de atingir 190 empregos diretos do Ano 4 do projeto se a empresa implementar três (3) turnos de produção como perspectiva

IDENTIFICAÇÃO DO PÚBLICO ALVO

Existe um vasto leque de clientes disponíveis em Angola, a marca KIKOLO que se propõe a abranger a mesma marca KIANDA, estará envolvida na distribuição grossista e retalhista, válida também para farinhas de farinha de trigo, produtos que serão bem embalados nas quantidades necessárias para distribuidores.